Dermatite Canina: o que é, principais sintomas e tratamento

Uma das maiores preocupações dos tutores de pets, é a dermatite canina, contudo, nem sempre entendemos os sintomas de imediato.

Por isso, é sempre bom estar de olho em nossos cães, pois eles são propensos a ter esse problema que, caso não seja tratado, pode trazer consequências maiores.

Você também vai conhecer em nosso guia, alguns shampoos para dermatite canina e alguns produtos indispensáveis para a saúde de seu pet.

Além disso, graças a empresas cosméticas que realmente se preocupam com nossos peludos, você vai conhecer um produto que ajuda a evitar a dermatite causada por fungos e bactérias.

Portanto, vamos abordar alguns tratamentos para dermatite canina e cuidados que devem ser adotados pelos tutores.

Desse modo, fizemos um guia completo falando sobre as causas, sintomas, cuidados e tratamento que você precisa ter com seu pet. Confira a seguir! 

Leia Mais: Saiba tudo sobre o Cetoconazol: O que é? Para que serve?

Dermatite Canina: o que é? Quais os principais sintomas?  Tem tratamento? 

A dermatite canina é uma inflamação na pele que requer cuidados e tratamentos, dentre os principais sintomas, você pode perceber a pele vermelha, a descamação e até mesmo, algumas feridas em certas regiões. 

Ainda bem que a dermatite tem tratamento, entretanto, é sempre bom saber os detalhes do problema para acompanhar e descobrir rapidamente se seu peludo está sofrendo com a questão. 

Além disso, o diagnóstico deve ser feito por um médico veterinário, entretanto, quanto mais soubermos a respeito, maiores são as chances de perceber o problema em nossos pets rapidamente e procurar um tratamento eficaz. Portanto, veja a seguir, mais detalhes sobre a dermatite canina!

Guia completo sobre Dermatite Canina: O que preciso saber?

Abordaremos a seguir, os principais problemas relacionados a dermatite canina, desde os cuidados até as causas e tratamentos.

Além disso, é possível evitar o problema quando sabemos aquilo que causou a dermatite em seu cachorro, principalmente quando relacionada a fungos e bactérias.

E claro que ao realizar o tratamento indicado pelo veterinário do seu pet, ele terá muito mais chance de se livrar do problema.

Além disso, o problema tem uma aparência que assusta alguns tutores, e muitos ficam com medo de que a dermatite canina seja contagiosa.

Desse modo, acompanhe em seguida, as principais dúvidas sobre a dermatite canina e se existem soluções para resolver o problema.

O que pode causar a dermatite canina?

Uma dúvida muito comum é o que pode causar a dermatite em cães, e as causas podem ser uma reação alérgica ou fatores genéticos.

Quando é uma reação alérgica, as picadas de pulgas são as principais vilãs do problema, sem contar, que elas podem desencadear outras doenças.

Dentre elas a anemia, o estresse e algumas viroses especificas, além é claro, da dermatite canina.

Resolver esse problema é muito fácil, basta usar um antipulgas de qualidade em seu cachorro respeitando o prazo estabelecido pelo fabricante.

Outro fator que deve ser considerado e pode causar a dermatite canina são as questões genéticas e hormonais, como é o caso da Síndrome de Cushing em cães.

Apesar de ser um problema, a síndrome tem tratamento e quando diminuído os níveis de cortisol com remédios indicados pelo veterinário, a questão pode ser resolvida.

Outro tipo de problema que acomete os cães é a dermatite seborreica canina, nesse caso, ela é causada pelo excesso de sebo e a inflamação da pele.

Além de todos esses fatores, sabemos o quanto os cães gostam de passear, entretanto, você está cuidando das patinhas do seu peludo quando chega em casa? 

Saiba que fungos e bactérias podem desencadear a dermatite canina, mas será que podemos evitar esse problema?

E o tratamento caseiro para dermatite canina? Ele pode ser eficaz em quais situações? Veja em seguida como tratar a coceira causada pela dermatite em casa!

Leia Mais: Pododermatite canina: o que é e o que você precisa saber!

Dermatite canina, existe tratamento caseiro?

Na verdade, existem alguns tratamentos caseiros que ajudam a controlar a coceira e a inflamação causada pela dermatite e, nesses casos, aliviar os sintomas do seu peludo.

Nesse sentido, você pode fazer chá verde, de camomila ou de calêndula, todos possuem propriedades calmantes que aliviam a coceira.

Para usar esse tratamento caseiro para dermatite canina, basta colocar alguns saches do chá em uma bacia com água quente e aguardar a infusão.

Quando o chá estiver de morno para frio, basta banhar o animal nas partes onde ele apresenta o problema, você vai perceber que as coceiras vão melhorar muito.

Outra vantagem de um tratamento caseiro, é que caso os cães lambam o chá, não haverá nenhum problema digestivo nem de amargo na boca, como ocorre com alguns medicamentos.

Quais são os principais remédios indicados no tratamento da dermatite?

Quando os cães são acometidos pela dermatite canina, principalmente de cunho alérgico ou picadas de pulgas, é importante que o tratamento indicado pelo veterinário seja seguido à risca.

Dentre os principais medicamentos, o veterinário poderá indicar spray para dermatite canina e shampoo para dermatite.

Os shampoos mais comuns para a dermatite são aqueles que possuem em sua composição o Peróxido de Benzoíla, o Digluconato de Clorexidina e o Extrato de Camomila.

Além disso, ele pode indicar remédios para dermatite, que são alguns antialérgicos, entretanto, somente o veterinário, após alguns exames, poderá saber qual é o melhor conforme os sintomas que seu pet apresenta.

Existe uma maneira de evitar a dermatite causada por fungos e bactérias?

Atualmente, existe um produto no mercado direcionado para pets que elimina vírus e bactérias que seu peludo traz da rua nos passeios diários.

O Limpatinha é um produto inovador que realmente limpa e hidrata as patinhas do seu peludo, e ao eliminar as bactérias, evita que a dermatite alérgica se desenvolva nele.

Além disso, sempre soubemos da importância de limpar as patas dos nossos amigos quando chegam de um passeio, o problema é que não existia um produto específico para isso.

Já que água com sabão diariamente causa dermatite, o lencinho umedecido não limpa e álcool em gel é proibido para os peludos.

O Limpatinha é tão seguro que foi testado primeiro nos humanos para proteger nossos amigos peludos.

Portanto, o Limpatinha é a maneira mais segura de evitar que seu peludo fique com as patas sujas e tenha dermatite canina.

Agora que você já sabe tudo sobre a dermatite canina em cães e conheceu um produto inovador que pode evitar o problema, cuide muito bem de seu peludo, afinal, nosso melhor amigo merece nossa total atenção!

Esperamos que este artigo tenha ajudado a esclarecer suas dúvidas! Não deixe de
acompanhar nossos próximos posts no Blog!